segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Osmar Santos: guardado do lado esquerdo do peito.

Como o futebol está mudado, a bola está mais rápida, os gramados mais bonitos, as arquibancadas mais coloridas, as torcidas tão fanáticas como sempre, mas o meu coração parou no tempo. Tempo em que ouvia o meu locutor favorito narrar o futebol arte que perdeu o encanto e foi entregue a alguns dirigentes que perpetuam – se no poder e esquecem que a democracia consiste em dar oportunidade aos demais para que ajam e expressem a opinião. Tudo isso sempre foi combatido pelo OSMAR SANTOS que sempre abriu espaço na locução esportiva para os iniciantes, assim como o OSCAR ULYSSES tem feito na RÁDIO GLOBO. Talvez isso não seja notado por quem acompanha as transmissões esportivas mas eu percebo. O OSMAR SANTOS é o “PAI” de muitos locutores famosos dos dias de hoje e, esse é mais um motivo para que eu tenha tanta admiração. Cada vez que visito esse blog, leio as frases aqui escritas e fico sensibilizado, pois noto que são sincera e fiéis. ” PARABÉNS OSMAR PELA SUA VIDA, PELA SUA EXISTÊNCIA E POR TER ENSINADO TANTO: PARA MIM, PARA OS SEUS IRMÃOS E PARA ESSE POVO QUE TE AMA MUITO”…

quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

A Educação Sexual na Família



Os adolescentes têm muitas informações. É surpreendente. Eles sabem coisas, mas em contrapartida, não sabem o que fazer com a informação. É muito importante que pais e professores percebam que os adolescentes não conseguem transformar a informação em educação. Informação por informação não serve para nada. Temos visto por ai, há muito tempo, campanhas veiculadas pela mídia sobre o uso de preservativos e cada vez mais se tem constatado o aumento de adolescentes contaminados pelo HIV, aumento da gravidez precoce, etc. Como e porque isso acontece se tanto foi feito em termos de orientar? Por isso nós precisamos debater, inclusive, o uso do termo: orientar. Dizemos que orientação não adianta temos que educar.

Educar demanda algo que é mais complexo, que é um processo. Por exemplo: se alguém pergunta como atravessar a rua? Eu oriento e depois a pessoa vai embora. No educar: a pessoa internaliza a informação e se conscientiza do que, e do porque se devem ter certos comportamentos e atitudes em relação a determinadas coisas, isso impede de se cometer erros grotescos e irresponsáveis. Com Adolescentes precisamos que pensar em termos de um projeto de educação sexual. Não bastam campanhas.

Nesse projeto, é importante entender que são praticamente as crianças que estão se relacionando através do ato sexual. Já vimos noticias de meninas com nove anos tendo bebês, isso significa que no final de oito anos ele se relacionou ou foi abusada sexualmente. Está faltando todo o investimento em educação sexual. Que a sociedade possa entender que a liberdade sexual não significa que se libera tudo a qualquer tempo.

Nesse processo existem normas, regras e limites. Nós nos esquecemos de trabalhar com crianças, adolescente e daí por diante, que o ato sexual propriamente dito deveria se dar somente na idade adulta por uma serie de razões. Seria um momento em que este ser humanos teria condições de saber o quer e por que quer, Não preciso sais por ai fazendo o que todos fazem, porque “senão estou fora do grupo”.

Quando meninos ou meninas transam com dez, 12 anos para não ficarem fora da moda, porque “todo mundo faz”, temos que fazer uma revisão da educação; esta havendo alguma falha. Se a criança, o adolescente, o jovem não tiver condições de discernir que o que ele quer para si não é o que todos necessariamente vão fazer, houve falha no processo de educação sexual.

Partimos de um modelo, de um paradigma de educação sexual que pode ser compreensiva, de cunho emancipatório. As pessoas às vezes às vezes acham isso contraditório, mas a gente coloca liberdade com responsabilidade, com limites, com normas. Não é liberdade do “tudo pode”, mas a liberdade de que, a partir do acesso ao conhecimento, eu tenho livre arbítrio para poder escolher o que quero, mas com responsabilidade e compromisso.

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

NASCEM OS HOMENS IGUAIS


Nascem os homens iguais, um mesmo, igual princípio os anima, os conserva, e também os debilita, e acaba. Somos organizados pela mesma pela mesma forma, por isso estamos sujeitos às mesmas paixões, e as mesmas vaidades. Para todos nasce o Sol, a Aurora a todos desperta para o trabalho, o silêncio da noite anuncia a todos o descanso. O tempo que insensivelmente corre, e se distribui em anos, meses e horas, para todos se compõe do mesmo numero de instantes. Essa transparente região a todos abraça, todos acham nos elementos um patrimônio comum, livre, e indefectível, todos respiram o ar, a todos sustenta a terra, as qualidades da água, e do fogo, a todos se comunicam. O mundo não foi feito mais em benefício de uns, que de outros, para todos é o mesmo, e para o uso dele todos têm igual direito, ou seja pela ordem da natureza, ou seja pela ordem da sua mesma instituição, todos achamos no mundo as mesmas partes essenciais. Que cousa é a vida para todos mais do que um enleio de vaidades, e um giro sucessivo entre o gosto, a dor, a alegria, a tristeza, a aversão, e o amor?

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

VALEU A PENA??

Valeu a pena?
Valeu a pena? Sim, valeram a pena os dias de angústia, de cansaço, de tédio e exaustão. Valeram a pena todos os passos pelo caminho traçado. Cada momento vivido nessa louca correria em busca de um objetivo em comum valeu a pena.
E agora que não mais irão de mãos dadas e juntos continuar a jornada de suas vidas? E agora que deixam, para também seguirem seus caminhos, os companheiros de longa data? E agora que a estrada se estende ao longe até se perder de vista? Caminhemos.
Navegar é preciso. Não podemos esquecer que, embora a alegria do presente exista, o futuro reserva outras a mais. Se antes a força do conjunto amparava as quedas, hoje estão preparados para agüentar as tramas da vida. Deixar para trás momentos plenos de união e companheirismo é doloroso, mas não podemos nos estagnar no tempo. É necessário seguir em frente, buscar nossos objetivos com muito esmero e dedicação, para encontrar o novo.
A amizade de tantos anos fica, assim como o respeito e as boas lembranças jamais serão esquecidas. O tempo não pára e precisamos dar continuidade à vida. Nossos meninos, outrora indefesas crianças, agora estão diante do seu próprio tempo e suas escolhas hoje refletirão o amanhã.
Esta noite é especial para todos nós, professores, pais e amigos. Esta é a noite em que confirmamos que o esforço feito em prol de uma boa educação para nossos meninos valera realmente cada gota de suor, cada lágrima, cada sorriso na construção do caráter de cada um desses alunos da maior escola de todas, a vida.
O momento da formatura não é somente uma festa em homenagem a primeira de muitas conquistas, mas também marca um rito de passagem, quando a criança toma consciência do que é o estar no mundo e se prepara para a interação com ele.
Este é um dia especial para todos nós pela alegria desta etapa concluída com êxito, da perspectiva para o caminho vindouro. Não chegaram ainda ao fim, pois a jornada é longa, mas temos a certeza de que o caminho futuro reserva gratas surpresas.
Por isso afirmo a vocês: sim, valeu muito a pena.

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Centro de Estudos de Línguas da Escola Reis Neves realizou a 5ª Edição do Show de Talentos


Na última quinta-feira (21), o CEL- Centro de Estudos de Línguas da EE Dr. Antônio Augusto Reis Neves  realizou mais uma edição do “Show de Talentos”que já se tornou uma tradição cultural da cidade. O evento foi coordenado pela professora Patrícia Cristina  de Castro Eschiapati dos Santos ,contando com a colaboração do  corpo docente : Priscila Patrícia Pugina, Genival Ferreira de Miranda, Murillo Orthony Scarpineti e Sheila de Freitas Hirata - professores de Língua Espanhola, Daniela Roberta Ribeiro - Professora de Língua Inglesa e Leusenice Debeus - professora de Língua Francesa. O evento reuniu em torno de 1400 pessoas no salão social do Clube Thermas dos Laranjais.

Houve a participação de aproximadamente 560 alunos que  cantaram, dançaram, declamaram e fizeram apresentações teatrais: O Pequeno Príncipe,na língua francesa, dramatização da obra Alice no País das Maravilhas, na língua Inglesa e  Dom Quixote de La Mancha no espanhol,ainda foi destaque a dança do Pasodoble, um estilo musical e dança de origem espanhola,que surgiu no século XVI.


A diretora da escola Maria Cristina Gonsalles Figueiredo conta que tudo começou com a implantação do CEL em 2009. O Show de Talentos foi criado justamente para divulgá-lo. O sucesso e a aceitação por parte da comunidade motivou a continuidade do evento, que completou neste ano sua 5ª edição, tendo como objetivo principal explorar a oralidade dos alunos que, através das expressões artísticas, demonstram todo o conhecimento adquirido nas aulas.

domingo, 13 de outubro de 2013

Mensagem Dia do Professor!

De uma forma positiva, aprendi que não importa o que aconteça, ou quão ruim pareça o dia de hoje, a vida continua, e amanhã será melhor.


Ser professor é professar a fé e a certeza de que tudo terá valido a pena se o aluno sentir-se feliz pelo que aprendeu com você e pelo que ele ensinou...

Ser professor  é consumir horas e horas pensando em cada detalhe daquela aula que, mesmo ocorrendo todos os dias, a cada dia é única e original...

Ser  professor é entrar cansado numa sala de aula e, diante da reação da turma, transformar  o cansaço numa aventura maravilhosa de ensinar e aprender...

Ser professor é importar-se com o outro numa dimensão de quem cultiva uma planta muito rara que necessita de atenção, amor e cuidado.

Ser professor é ter a capacidade de “sair de cena, sem sair do espetáculo”.

Ser professor é apontar caminhos, mas deixar que o aluno caminhe com seus próprios pés... 

Seja Feliz Professor(a)!!

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

OLÍMPIA PARTICIPA DA IV CONFERENCIA ESTADUAL DO MEIO AMBIENTE EM SÃO PAULO


O evento reuniu representante de vários segmentos da sociedade como sociedade civil, poder publico e empresários. Os debates versaram sobre o tema “Política Nacional de Resíduos Sólidos”, Lei 12.305/10, que foi explorado nas conferencias municipais e regionais dividido em quatro eixos temáticos: Produção e Consumo Sustentáveis, Redução dos Impactos Ambientais, Geração de Emprego, Trabalho e Renda, e Educação Ambiental.


Olímpia levou diversas propostas nos quatros eixos e contribuiu com as propostas que serão encaminhadas à Conferencia Nacional do Meio Ambiente, a delegação do estado de São Paulo terá representantes de municípios do interior e da região metropolitana na Conferencia Nacional que será realizada em Brasília de 24 a 17 de outubro.

Para o delegado Genival Ferreira de Miranda que representou Olímpia e a Bacia Hidrográfica Turvo Grande, localizada na região de São José do Rio Preto, a Conferencia foi muito produtiva, onde teve a oportunidade de trocar experiências junto aos representantes que ali estavam, propondo ideias e políticas que vão de encontro a ações de preservação do meio ambiente.