sexta-feira, 22 de junho de 2012

Criada a Academia Olimpiense de Letras na Casa de Cultura

Foi criada a Academia Olimpiense de Letras e eleita a sua primeira diretoria, após a primeira fase que foi a do cadastramento de cerca de 80 escritores da cidade.

 
A próxima fase será a criação dos patronos das cadeiras e planejamento de estratégias e ações para que a Academia se torne mais sólida, segundo informou o diretor de Cultura, Rodrigo Marini.

Dos presentes, formou-se a primeira diretoria, com Matheus de Ávila Cosso, presidente; Júlio César Faria, vice; Claudenice Sisto, 1ª secretária; Taise Renata da Cruz, 2ª secretária; Genival Ferreira de Miranda, 1º tesoureiro; Heitor Monteiro Barbosa, 2º tesoureiro; João Carlos Sponquiado, presidente do Conselho Fiscal; Paulo Barcellos, membro-adjunto do Conselho Fiscal; e Aline Gabryele Balbo, Luci Patrian Bonin, Telia Conceição Prado Rodrigues, Raphael Antonio Grecco Ramos e Ademir Antonio Minari, como sócios-fundadores.
Como sócios-beneméritos, ficaram o prefeito Geninho Zuliani (DEM), o diretor de Cultura Rodrigo César Marini e a secretária de Cultura Marina Pasini Salemi.
Os escritores que queiram fazer parte da Academia Olimpiense de Letras poderão se inscrever, na Casa de Cultura, preenchendo um requerimento de inclusão e, sem seguida, será feita a votação da entrada de novo membro pelos sócios fundadores.