quarta-feira, 19 de junho de 2013

DEMOCRACIA?


O protesto é algo natural, o ser humano nasce protestando, o que será do choro do bebe se não um grande ‘protesto’, reivindicando o alimento, me recordo daquela expressão; “Quem não chora não mama”. Temos encarar com legitimidade que não tenha nada que possa machucar as pessoas e criar problemas de confronto policial, isso não leva a absolutamente nada. O direito de protestar, ir às ruas e colocar as suas reivindicações é sagrado, nós vivemos em uma democracia… Ou não?
Muitas vezes me pergunto, será que estamos vivendo uma democracia verdadeira? Ou será que vivemos uma democracia velada e fundamentada na farsa?. Em primeiro lugar precisamos entender o que é democracia. O termo democracia é de origem grega e quer dizer “poder do povo”, por sua vez, é um conceito de difícil definição, fundamentado na noção de uma comunidade política nas quais todas as pessoas possuem direito de participar dos processos políticos e de debater ou decidir políticas igualmente, na qual certos direitos são universalizados a partir dos princípios de liberdade de expressão e dignidade humana.
Podemos perceber que embora o conceito de democracia estreitamente vinculada à ideia de lei da constituição, não se resume à igualdade jurídica, também depende do acesso democrático, igual para todos, sobretudo do ponto de vista das esquerdas.
 Tendo em vista que a maioria do povo brasileiro não se interessa por política, muitas vezes não tem consciência de seus diretos e deveres, e ainda não entendeu que o “voto” não se vende, podemos acreditar que o povo brasileiro ainda não está qualificado ou maturidade suficiente para exercer a democracia de fato, uma vez que conforme o próprio conceito da democracia está fundamentado no exercício da participação nos processos políticos, debatendo e discutindo os seus diretos e deveres juntamente com os deveres do Estado.
Penso que não adianta muito sair às ruas reivindicando redução do preço de passagens e qualidade de transportes públicos de forma pontual. Muitas vezes estas pessoas que estão na manifestação, não sabem ao certo o que estão protestando, ou até mesmo não entendem o porque do preço da passagem está tão alto, provavelmente porque não acompanharam o processo.
Para que haja democracia, as pessoas deveriam estar mais interessadas em acompanhar todos os movimentos políticos em sua comunidade, participando desses espaços democráticos, essa participação é o melhor protesto, muitas vezes o povo assumir sua posição democrática poderia evitar tantos confrontos culminados em violência.

Por: Genival Ferreira de Miranda

19/06/2013